Faça um filho comigo!

Pais

“Era uma vez uma história que não estava em nenhum conto de fadas. Mas será que o “foram felizes para sempre” só pode estar nos contos de fadas?

Em 2016, engravidei de um lindo menino fruto de uma linda amizade entre duas pessoas que queriam muito ter um filho. E essa história pode, não só ter um final feliz, como também incentivar quem está na busca por uma parceria, mostrar um pouco como podem existir diferentes formas de família e para deixar registrado como esse encontro aconteceu na minha vida.

Tenho um primogênito, fruto de uma relação conjugal que teve fim quando meu filho ainda era pequeno. Sempre tive o desejo de ter mais um filho, mas a vida foi passando e o segundo filho não veio.

Assistindo uma novela que falava sobre parceria de paternidade, resolvi procurar na internet se realmente havia grupos com esse objetivo. Então entrei no grupo fechado de Facebook Coparentalidade Responsável e Planejada (nunca tinha ouvido falar nesse conceito até então). Lá vi algumas apresentações/descrições de membros e “curti” uma em especial. Em pouco tempo começamos a nos falar pelas redes sociais e marcamos um encontro.

Hoje eu tenho certeza que esse nosso encontro estava previsto para acontecer e que o grupo foi a forma para que isso acontecesse. Foi muito legal encontrar uma pessoa que tem muita sintonia comigo, tanto na forma de ver o mundo, como na forma de se posicionar nele. E nossa amizade encheu nossas vidas de alegria e companheirismo. Resolvemos então que era isso mesmo que queríamos: ter um filho juntos, sermos parceiros, companheiros e formar uma família com muito carinho, amor e dedicação para esse nosso bebê.

Optamos por tentar a inseminação caseira durante três meses e no segundo mês veio a confirmação do nosso desejo. POSITIVO!!! Meu filho mais velho adorou a ideia de ter um irmão (aliás ele sempre pediu um) e está super protetor comigo e carinhoso com o irmão. E nós, os pais, descobrimos juntos vários caminhos para o parto, conciliando nossas expectativas e desejos para esse momento, para o crescimento do nosso filho e para a vida inteira que temos pela frente.

Sei que não é fácil esse encontro e acho muito importante que essa sintonia entre os pais seja verdadeira e bonita como a nossa. Era exatamente isso que eu queria para o meu filho.

Nosso bebê nasceu em 2017 no calor do verão carioca e super aqueceu nossos corações. É um menino encantador, risonho, esperto e carinhoso.

Ao grupo do Facebook – em especial à organizadora Taline – tenho muito a agradecer por ter aberto esse espaço que possibilitou nosso encontro.

Ao pai do meu bebê, só tenho a dizer: amo cada vez mais nossa história e nossa amizade! Obrigada por ter me esperado! Amo você! Ao meu filho mais velho e a minha família e amigos, estou muito feliz e sei que vocês sabem disso, mas nada faria tanto sentido, nem seria tão bonito se não fosse a presença de vocês na minha vida! Amo  vocês! Ao meu filho mais novo: que bom que você também veio fazer parte dessa família! Papai e mamãe estão muito felizes! Que nossa jornada nessa vida seja repleta de amor e sabedoria! Amamos você!

RA, 37 anos, 

Atividades

Categoria:,

Data : 08 jul 2017

To Top